radio zumbi

segunda-feira, 29 de junho de 2015

Ingá reivindica prédio da estação ferroviária para projeto turístico


O Secretário de Turismo de Ingá, Walter Goes, está pleiteando junto ao Departamento Nacional de Transporte a cessão da estação ferroviária de Ingá, atualmente desativada, para receber o Trem das Itacoatiaras, projeto turístico que pretende trazer de volta o trem de passageiros de Campina Grande a Ingá, com fins turísticos.

A estação de Ingá foi inaugurada em 1907 pela Great Western, no trecho Itabaiana-Campina Grande. O ramal de Campina Grande teve seu primeiro trecho entregue em 2 de outubro de 1907, entre a estação de Itabaiana, na linha da Great Western que ligava Recife a Natal, e a cidade paraibana de Campina Grande. Do outro lado do Estado da Paraíba, entre 1923 e 1926, a Rede de Viação Cearense alcançava a cidade de Souza, partindo de sua linha-tronco que ligava Fortaleza a Crato, no Ceará, a partir da estação de Arrojado. De Souza, a RVC avançou até Pombal (1932) e depois a Patos (1944). O trecho de 164 km entre Patos e Campina Grande somente seria entregue ao tráfego em 1958, e era justamente esta a linha que ligava o Nordeste Ocidental ao Oriental, ou seja, o Ceará ao resto do Brasil. Hoje este ramal está desativado, após ser alugado a um grupo mineiro. O tráfego de passageiros no ramal foi desativado nos anos 1980.


Nenhum comentário:

Postar um comentário