radio zumbi

terça-feira, 16 de junho de 2015

SALGADO DE SÃO FÉLIX

Líder comunitário nega adesão ao prefeito e acusa secretário de tentativa de cooptação

O líder comunitário Marenilson do sítio Maria de Melo, em Salgado de São Félix, denunciou o Secretário de Educação do Município, Adjailson Andrade (foto), de tentar coopta-lo para retornar ao esquema político da situação, liderado pelo prefeito Adaurio Almeida. Marenilson procurou a rádio comunitária local para esclarecer boatos de que teria aderido ao partido do prefeito. “Não aderi, apenas atendi a um chamado do Secretário Adjailosn no dia 12 de junho para uma conversa em seu gabinete, onde ele me ofereceu vantagens e o emprego de volta para minha esposa Judite, que foi demitida de uma escola estadual faltando apenas um ano e quatro meses para se aposentar, mas eu não aceite a oferta”, disse ele na rádio. Ainda conforme o denunciante, ele apoiou o atual prefeito em sua primeira eleição, quando teve 181 votos para vereador. “Desses votos, tenho certeza de que cerca de 100 votos foram para ele, mas o que recebi em troca foi perseguição e a demissão de minha esposa”, afirmou.”

Ouvido pela reportagem, o Secretário Adjailson Andrade negou que tenha tentado “comprar” o denunciante. “Recebi esse cidadão em meu gabinete como recebo qualquer pessoa. Realmente, ele foi tratar sobre o contrato da esposa que foi encerrado em 2014, mas isso vai além de minha autonomia, pois sou secretário municipal de educação e ela é prestadora de serviço no Estado”, disse ele, para quem o objetivo da denúncia é “tentar denegrir a imagem política do grupo liderado por Adaurio Almeida”. Perguntado se já fez o contraponto na emissora onde o denunciante fez as declarações, ele acusou o presidente da rádio comunitária de ser “partidário”. “Fazem anos que a rádio não me convida para uma entrevista”, disse ele, garantindo que fará pronunciamento na rádio de Itabaiana para esclarecer os fatos.



Nenhum comentário:

Postar um comentário